Taking too long? Close loading screen.
Compartilhe em suas redes sociais:
Compartilhe em suas redes sociais:
Compartilhe em suas redes sociais:

Cavernas em São Paulo: 3 opções para visitar fora da capital

Compartilhe em suas redes sociais:

O turismo ecológico em cavernas é a opção ideal para quem gosta de muitas aventuras, contato com a natureza e experiências cada vez mais diferenciadas. Durante esses passeios, é possível vislumbrar inesquecíveis espetáculos com o meio ambiente.

 

Pensando nisso, fizemos para você uma lista com 3 cavernas incríveis para visitar fora da capital paulista, tirar fotos memoráveis e viver aventuras para contar aos seus netos depois. Confira a seguir!

 

Caverna do Diabo – Eldorado – São Paulo

 

Caverna do Diabo, em Eldorado.

Foto: Tripadvisor/Reprodução

 

Vamos começar nossa lista de cavernas com uma das mais conhecidas do Estado de São Paulo: a Caverna do Diabo, também chamada de Gruta da Tapagem. Apesar do nome, o local encanta com seu espetáculo de cores e formações rochosas gigantescas.

 

Essa caverna é considerada uma das mais bonitas do mundo e uma das maiores do Brasil, com cerca de 6.340 metros de galerias. O espaço aberto às visitações tem 600 metros de trilhas preparadas para os turistas com escadarias, corrimões e pontes.

 

A Caverna do Diabo conta com salões imensos ornamentados com estalagmites, estalactites, colunas cálcicas, torres e muito mais. Um dos seus salões mais deslumbrantes é o “Catedral”, com suas enormes colunas e seus inúmeros espeleotemas.

 

As visitas são feitas com monitores e em grupos de até 12 pessoas. A visitação dura cerca de 1 hora.

 

Endereço: Rodovia SP-165, km 111, s/n – André Lopes, Eldorado – SP

 

Caverna da Água Suja – Iporanga – São Paulo

 

Caverna da Água Suja, em Iporanga

Foto: Tripadvisor/Reprodução

 

Essa é daquelas cavernas para quem gosta de aventuras e passeios diferenciados. Os exploradores deram a ela esse nome porque, quando chegaram ao local, as águas estavam turvas por causa da chuva.

 

Mas não precisa se preocupar. As águas dessa caverna são totalmente cristalinas. Esse ponto turístico tem cerca de 800 metros de percurso, no qual você vai poder contemplar o abismo de quase 100 metros de profundidade que ele possui.

 

A Caverna da Água Suja possui também uma piscina de lama, onde você pode relembrar os velhos tempos e literalmente rolar na lama. No final do percurso, há uma linda cachoeira interna.

 

Para chegar ao local, é preciso percorrer uma trilha de aproximadamente 1.200 metros e toda a visitação é acompanhada por um monitor, com um limite de 16 pessoas por grupo. Tanto a trilha quanto o passeio na caverna são tranquilos e ideais para toda a família.

 

O horário de visitação é das 8h às 14h.

 

Endereço:  Rod. Antônio Honório da Silva – Iporanga – SP

 

Gruta do Morro Preto – Iporanga – SP

 

Gruta do Morro Preto, em Iporanga

Foto: Tripadvisor/Reprodução

 

Localizada no núcleo Santana do PETAR (Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira), a Gruta do Morro Preto tem um acesso superfácil e é ideal para quem está começando agora no turismo ecológico.

 

O pórtico desta gruta é considerado um dos mais bonitos do local, com cerca de 15 metros de altura e 10 metros de largura. Por dentro, a gruta tem aproximadamente 832 metros de desenvolvimento.

 

O percurso é feito através de escadas de madeira que foram instaladas para facilitar o acesso aos salões da gruta, onde você vai poder apreciar os espeleotemas que ocupam as paredes da caverna.

 

As visitações são de terça a domingo, das 8h às 15h40 e são acompanhadas por um monitor.

 

Endereço: Rodovia SP-165, Km 156, s/n – Zona Rural, Iporanga – SP

 

E então? Pronto para visitar uma dessas cavernas memoráveis? Aproveite para conferir também 5 passeios inesquecíveis para fazer no Vale do Ribeira e 3 lugares para acampar em São Paulo.

 

Continue acompanhando nosso blog para ter acesso a conteúdos como esse. Aqui você vai ficar por dentro dos melhores passeios turísticos dentro e fora da capital. Siga também o nosso Instagram, o @visite_sp.

 

Leia também: