Carnaval de Rua e Sambódromo do Berço do Samba

O Carnaval é a maior festa popular brasileira e o de São Paulo é um dos maiores do país. São dezenas de escolas de samba, blocos de rua e os visitantes têm a chance de acompanhar a festa de perto.

  • Escolas de Samba

A Liga de Escolas de Samba de São Paulo conta com 34 agremiações que se dividem em 4 dias de desfiles no Sambódromo do Anhembi.

Assistir aos desfiles pessoalmente é uma experiência inesquecível. Não há quem resista a ver de perto os detalhes das fantasias, a grandiosidade das alegorias e sentir a vibração das baterias de cada escola.


Foto: André Stefano

  • Blocos de rua

O Carnaval de Rua de São Paulo não para de crescer e vem conquistando espaço nas ruas e nas agendas de moradores e visitantes, que aproveitam as duas semanas de festa para acompanhar os blocos pela cidade.

Em edições passadas, foram mais de 500 blocos com os mais variados temas, desde casamento até pipoca, e artistas como Preta Gil, Claudia Leitte e Banda Eva já puxaram as multidões pelas ruas.


Daniela Mercury no carnaval de rua de São Paulo. Foto: Poltrona VIP

De acordo com a Mercado & Eventos, as inscrições para os desfiles de 2020 indicam a possibilidade de o carnaval de rua de São Paulo se tornar o maior do Brasil, com 865 blocos cadastrados para 960 desfiles em todas as regiões da cidade.

  • Samba

Passar o carnaval de São Paulo vai além do desfile das escolas de samba e dos blocos de rua: é ter a chance de conhecer o berço do samba!

Foi por volta da década de 20 que a cidade entrou para a história paulistana e nacional, pois as rodas de samba deram origem a grandes nomes do estilo musical, como Adoniran Barbosa, e clássicos como “Trem das Onze”, “Saudosa Maloca” e “Tiro ao Álvaro”.

Para quem deseja viver o samba durante o Carnaval, a cidade possui diversos atrativos para todos. Não deixe de conhecer algum deles.

Bar Brahma Centro. Foto: BaresSP