Sala de imprensa Artigos

Ver artigos   

Janeiro/2017 - Toni Sando

São Paulo é Tudo de Bom

São Paulo é dos eventos e negócios e, cada vez mais, vem se tornando também do lazer, entretenimento e cultura. Prova disso, a Avenida Paulista, importante polo comercial da cidade, já é tomada pelos paulistanos e visitantes aos domingos e feriados, quando está fechada exclusivamente aos pedestres e ciclistas, e, em 2017, vai contar ainda com mais três grandes equipamentos culturais: a Japan House, o Instituto Moreira Salles Paulista e o Sesc Paulista.

As novidades, que juntas somam quase R$300 milhões em investimento, se integrarão aos pontos turísticos já existentes, como o Museu de Arte de São Paulo, o MASP, o Itaú Cultural, a Casa das Rosas, o prédio da Fiesp, a Livraria Cultura, Reserva Cultural, os shopping centers Pátio Paulista, Center 3, Top Center e Cidade São Paulo, tornando assim a mais paulista das avenidas um eixo de compras, cultura, teatro, cinema, arte de rua, música e literatura.

O Happy Hour também é um hábito que se mesclou aos mais diversos costumes de quem frequenta a avenida. O fim de tarde é marcado por calçadas cheias de pessoas, de engravatados até os mais informais, aproveitando a gastronomia de boteco, seja para relaxar ou até para fazer networking. Exemplo disso, a ação #SOMOSTODOSHAPPYHOUR completa dois meses, onde estabelecimentos participantes oferecem descontos e cortesias, das 17h às 20h, até o fim do horário de verão.

Tudo isso na avenida que mais simboliza a cidade no mundo dos negócios. Um estudo feito pelo São Paulo Convention & Visitors Bureau mostra que 2016 deverá contar com crescimento na taxa de ocupação nos hotéis aos finais de semana. É prova de que o lazer e entretenimento estão se tornando mais protagonistas no turismo na cidade, seja na atração de novos visitantes, seja pelos moradores que optam por ficar na cidade e desbravar o que ela tem de melhor.

Essa praça criativa que a Avenida Paulista está se tornando incrementa ainda mais a capacidade de São Paulo ser ícone de cidade criativa e colaborativa. Sua reinvenção fortalece o espaço como polo econômico e constrói uma forte imagem artístico-cultural.

Para o mundo dos eventos, a palavra da vez se torna “integração”. Isso, pois, somente as ações integradas no turismo tornam possíveis aproveitar o bom momento e toda a estrutura já existente, de bares, restaurantes, museus, teatros, casas de espetáculo e baladas, com as características hospitaleiras do paulistano, e converter em captação de novos eventos, sejam associativos ou corporativos, grandes ou pequenos, nos quais os visitantes já desejem ficar mais e aproveitar o destino desde seu planejamento de viagem.

Um destino de eventos é mais do que contar com centros de convenções e pavilhões de exposições. Um destino de eventos tem por toda a cidade profissionais e moradores atuando em prol da hospitalidade, oferecendo opções para tornar a experiência de quem visita em uma experiência completa e marcante.


  • Toni Sando

    Toni Sando

    Presidente Executivo do São Paulo Convention & Visitors Bureau

*Presidente Executivo do São Paulo Convention & Visitors Bureau, Toni Sando tem em seu currículo graduação em Administração de Empresas pela Universidade São Judas Tadeu (USJT), cursou pós-graduação em marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), e tem MBA em gestão empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Seu histórico profissional inclui destacadas atuações nas áreas de operações, marketing, produtos e negócios no mercado financeiro (bancos Noroeste, Nacional e Unibanco). Durante sete anos dedicou-se à área de marketing da Accor Hotels na América do Sul.

Busca Agenda

+ busca avançada Buscar   
  Relatório 2016
  Arquitetura Humana
  ÍNDICE DE PREÇOS - TRIVAGO

Vídeos

7388755

Podcast com todos os eventos acontecendo semanalmente

  SPCVB 33 anos

Twitter